10 de dez de 2013

Preparai o caminho do Senhor

O Senhor quis ser batizado pelo servo, para que aqueles que são batizados pelo Senhor vissem bem o que é que recebem. Assim, portanto, e com razão, Ele começou onde a profecia o precedera: De mar a mar estenderá o seu domínio, e desde o rio até os confins de toda a terra (Sl 71, 8). À margem do mesmo rio, onde começou Cristo a estender o seu domínio, João viu a Cristo, reconheceu-o e deu testemunho dele. Diante do grande, humilhou-se, para que, humilde, pelo grande fosse exaltado. Proclamou-se amigo do Esposo. Mas que tipo de amigo? Por acaso um amigo igual a Ele? Longe de nós pensá-lo, mas inferior. Inferior em que medida? Eu nem sou digno, dizia, de me abaixar para desamarrar suas sandálias (Mc 1, 7).

Este profeta, e mais que um simples profeta, mereceu ter sido anunciado por um dos profetas. A respeito dele, com efeito, afirmou Isaías na passagem que hoje se nos leu: Esta é a voz daquele que grita no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai suas estradas. Nivelem-se todos os vales, rebaixem-se todos os montes e colinas; endireite-se o que é torto e alisem-se as asperezas: e todas as pessoas verão a salvação de Deus (Mc 1, 3; Is 40, 4; Lc 3, 6).

Preste atenção a vossa Caridade. Ao ser João interrogado sobre quem fosse, se era o Cristo, ou Elias ou o Profeta, respondeu: Não sou o Cristo, nem Elias nem o Profeta. E, ao replicarem os que o interrogavam: Quem és, afinal?, respondeu: Eu sou a voz que grita no deserto (cf. Jo 1, 19-23). Disse que era a voz. Tens que João é a voz. E Cristo, por quem o tens, senão por Palavra? A voz é enviada antes, para que a Palavra seja entendida mais tarde. E que Palavra? Ouve a que te revela claramente: No princípio era a Palavra, e a Palavra estava com Deus; e a Palavra era Deus. No princípio estava ela com Deus. Tudo foi feito por ela, e sem ela nada se fez de tudo que foi feito (Jo 1, 1-3). "Tudo" inclui também João. Por que nos admiramos de a Palavra ter feito para si uma voz? Vê, vê que ambas estão à margem do rio: tanto a voz como a Palavra. A voz é João e a Palavra, Cristo.

-- De Santo Agostinho (século IV)

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...