12 de fev de 2011

O Sacramento da Extrema Unção - parte 4

O sentido do toque é o próximo, dos cinco sentidos é mais vivo e carnal, pelo qual muitos pecados entram na própria alma e na de outras pessoas. Sobre os pecados da carne, São Paulo fala: Ora, as obras da carne são estas: fornicação, impureza, libertinagem, ... (Gl 5,19). Por estas três palavras o apóstolo inclui todos os tipos de impurezas. Nem há necessidade de aprofundar-se sobre o tamanho destes pecados, dos quais os fiéis devem se manter distantes e cujos nomes nem devem ser ouvidos entre eles. São Paulo assim escreveu na Epístola aos Efésios: Quanto à fornicação, à impureza, sob qualquer forma, ou à avareza, que disto nem se faça menção entre vós, como convém a santos (Ef 5,3).

De novo, contra estes crimes, o que segue parece-me ser excelentes remédios, e como tais, são remendados por médicos para curar seus pacientes. Primeiro, os doentes devem jejuar e se abster de carne ou vinho. Da mesma forma, todos devem fazer o mesmo com relação à luxúria, abster-se de comer e beber em excesso.

Assim o apóstolo aconselha Timóteo: Não continues a beber só água, mas toma também um pouco de vinho, por causa do teu estômago e das tuas freqüentes indisposições (1Tm 5,23). Ou seja, tome vinho para ajudar com os problemas de estômago, mas apenas moderamente para evitar bebedeiras, pois muito vinho é luxúria. Também, médicos receitam remédios amargos, fazem incisões, tirar sangue, e outros atos dolorosos por natureza. Os santos repetem os apóstolos: Ao contrário, castigo o meu corpo e o mantenho em servidão, de medo de vir eu mesmo a ser excluído depois de eu ter pregado aos outros (1Cor 9,27). Já os mais antigos eremitas e anacoretas mantinham uma vida oposta aos prazeres e deleites da carne, em jejuns e vigílias, deitando-se no chão, vestidos de sacos. Assim faziam para não acostumar o corpo às delicias e concupiciências da carne.

Jesus Cristo, o filho do carpinteiro


Menciono um exemplos entre muitos. São Jerônimo menciona ao narrar a vida de Santo Hilário, que este ao sentir-se tentado com pensamentos impuros, dizia para seu corpo: "não deixarei fortalecer-se, nem alimentar-se com milho, mas apenas com palha; te farei sentir fome e sede, carregar pesos, acostumar ao calor e frio, para que pense mais em simples alimentos e menos em prazeres". Para fortalecer o corpo, médicos indicam caminhadas, jogar bola ou qualquer atividade física semelhante. Para fortalecer a alma, mantê-la saudável, se desejamos salvar nossa alma, gastar mais tempo todos os dias meditando os mistérios da redenção ou outros assuntos piedosos. Se não conseguimos nos concentrar nestas meditações, podemos ler as Sagradas Escrituras, as vidas de santos ou outros livros semelhantes.

Em suma, um poderoso remédio contra as tentações da carne e todos os pecados da impureza, é afastar-se das fraquezas, pois ninguém é mais exposto a tais tentações que os desocupados, que passam o tempo a fofocar, observar outros de suas janelas ou conversando com seus amigos. Ao contrário, ninguém é mais livre de tais tentações que os trabalhadores que passam o dia em trabalhos braçais ou outras artes.

Para nosso exemplo, o Salvador nasceu em uma família pobre, que dependia do seu próprio trabalho para alimentar-se, e antes de começar sua missão, era chamado de filho do carpinteiro, a quem ele ajudava. De Cristo foi dito: Não é ele o carpinteiro, o filho de Maria? (Mc 6,3) E posso acrescentar, que os trabalhadores podem se dar por satisfeitos uma vez que a sabedoria de Deus escolheu para Si, Sua mãe e Seu pai esta situação; não porque precisassem de tais remédios, mas para nos advertir sobre os perigos da ociosidade, se quisermos evitar muitos pecados.

-- Do Livro A Arte de Morrer Bem, de São Roberto Belarmino, bispo (século XVIII)


-- Nota: sempre que possível procuro utilizar textos traduzidos por profissionais e publicados com autorização de nossas autoridades eclesiais. Este, no entanto, foi traduzido por mim, a partir do livro em Inglês, por não tê-lo encontrado traduzido para o Português.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...