11 de abr de 2015

Via Lucis

Via Lucis (Caminho da Luz) é uma forma de devoção que incentiva a meditação sobre a Ressurreição de Jesus Cristo, sendo especialmente válida neste tempo pascal, pois abrange os acontecimentos entre o Domingo de Páscoa e Pentecostes. De maneira intencional, a Via Lucis também tem 14 estações, assim como a Via Crucis, cada estação baseada em uma leitura bíblica. Pode-se acrescentar um breve comentário e cantos a cada estação.

No verão de 1988 o Padre Sabino Palumbieri, professor da Universidade Salesiana de Roma, propos a criação de um novo conjunto de estações a fim de ressaltar a alegria cristã em Cristo Ressuscitado, complementando a ênfase no sofrimento de Cristo proposto pela Via Crucis.

Em Dezembro de 2001, a Santa Sé publicou um Diretório sobre a Piedade Popular e Liturgia, em que comentou sobre a Via Lucis: "através dela os fiéis recordam o acontecimento central da fé - a Ressurreição de Cristo - e seu ensinamento de que em virtude do sacramento pascal, os cristãos passaram da escuridão do pecado para a brilhante luz da graça (Cf Col 1,13; Ef 5,8)".

Ainda não há nenhuma lista universalmente acordada de estações devem compor a Via Lucis, nem a autoridade da Igreja definiu uma. Assim como ocorreu com a Via Crucis, ao longo da história uma lista foi sendo consolidada na experiência de sua oração. Mas, sem dúvida, o número de 14 estações é quase unanimidade. Uma lista muita utilizada é:

  1. Jesus ressuscitado (Mt 28, 5-6)
  2. As mulheres encontram o sepulcro vazio (Jo 20, 1-8)
  3. Jesus aparece a Maria Madalena (Jo 20, 14-18)
  4. O caminho de Emaus (Lc 24, 10-30)
  5. Jesus reparte o pão (Lc 24, 31-35)
  6. Aparição aos discípulos em JJerusalém (Lc 24,36-40)
  7. Jesus dá o poder de perdoar os pecados (Jo 20, 19-23)
  8. A fé de São Tomé (Jo 20, 24-29)
  9. Jesus aparece no mar de Tiberíades (Jo 21, 1-12)
  10. São Pedro reitera seu amor a Jesus (Jo 21, 15-19)
  11. Jesus envia os discípulos (Mt 28, 19-20)
  12. A Ascenção de Jesus (Lc 24, 50-53)
  13. Maria e os díscipulos em oração (At 1,12-14)
  14. Pentecostes, a vinda do Espírito Santo (At 2,1-13)
-- autoria própria

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...