27 de jan de 2016

Os ardis do demônio par afastar a juventude de Deus

Dois são os principais ardis de que se vale o demônio para afastar os jovens da virtude. 

O primeiro é fazê-los acreditar que para servir o Senhor é preciso levar uma vida triste e longe de qualquer divertimento e prazer. Não é assim, queridos jovens. Vou indicar-vos um método de vida cristã que vos tome alegres e contentes e ao mesmo tempo vos de a conhecer quais os verdadeiros divertimentos e os verdadeiros prazeres de modo que possais dizer corno o santo profeta Davi: Sirvamos ao Senhor em santa alegria

O outro engano é dar-lhes esperança de uma vida longa e de se converterem mais tarde, na velhice ou na hora da morte. Atenção meus filhos, porque muitos se deixaram enganar. Quem nos assegura que chegaremos a velhice? Seria preciso firmar um pacto corn a morte para que nos espere até lá por que a vida e a morte estão nas mãos de Deus, que delas pode dispor como Lhe aprouver. E ainda quando vos concedesse vida dilatada, ouvi o grande aviso que vos dá: o homem segue na velhice e até a morte o caminho que principiou a trilhar em sua adolescência. Vale dizer que se agora que somos jovens começarmos a viver bem, seremos bons quando entrarmos em anos, boa também será a nossa morte e princípio de uma felicidade eterna. Se, pelo contrário, deixarmos que os vícios se apoderem de nós durante a mocidade, é muito provável que assim continuemos até a morte, presságio funesto de muito infeliz eternidade.

Meus caros, eu vos amo de todo coração, e basta que sejais jovens para que vos ame muito. O Senhor esteja sempre convosco e vos conceda a graça de poderdes salvar vossas almas, e, assim, aumentar a glória de Deus. Sede felizes e o santo temor de Deus seja a vossa riqueza durante toda a vossa vida.

-- São João Bosco, padre (século XIX)

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...