1 de jul de 2014

O Corpo e Sangue de Cristo após a Missa

A orientação geral é consumir todo pão (hóstias) e vinho consagrados durante a Missa, mas usualmente algumas hóstias são mantidas no Tabernáculo. O Corpo de Cristo, sob a aparência de pão,  mantido, diz-se "reservado, após a Missa é chamado de Santíssimo Sacramento. Há várias razões para reservá-lo:

  • utilizá-lo para ministar Eucaristia aos doentes e outras pessoas justamente impossibilitadas de ir a Missa
  • poder ser exposto, de maneira digna, para adoração dos fiéis
  • em Procissões do Santíssimo Sacramento, mais comum no Dia de Corpus Christi, mas também possível em outras datas.
É fundamental ressaltar que o Pão e Vinho consagrados continuam a ser Corpo e Sangue de Cristo ao terminar a Missa, uma vez transformados não há como retornar à forma original. Uma vez que a substância foi alterada, a presença do Corpo e Sangue persiste enquanto as espécies eucarísticas existirem sob a forma de hóstia e vinho. Este é um antigo ensinamento da Igreja, já afirmado por São Cirilo de Alexandria na Carta ao Bispo de Arsinoe: Cristo não é alterado, nem seu santo corpo; o poder da consagração e a graça da salvação são perpétuas.

Desta forma, o Santíssimo Sacramento deve ser tratado com a maior reverência durante e após a Missa. Antes de tudo, deve ser guardado no Tabernáculo, mantido trancado para evitar qualquer forma de profanação. O Tabernáculo deve ser colocado num local adequado dentro da Igreja ou Capela, especificamente preparado para tal e adequado para permitir que fiéis entrem em oração/adoração. 

De acordo com a tradição da Igreja Romana, devemos fazer uma genuflexão ao estarmos em frente ao Santíssimo. Na Igreja Ortodoxa, a tradição é inclinar-se e fazer um Sinal da Cruz. Ambos gestos denotam reverência, respeito e adoração. 

Não é adequado organizar reuniões ou manter conversas casuais no mesmo ambiente do Santíssimo Sacramento. É importante que a Igreja mantenha um local adequado para tais ocasiões. 

-- De um texto da USCCB (United States Conference of Catholic Bishops) sobre a Eucaristia (2001)

-- Tradução própria

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...