26 de jan de 2013

Terceiro Domingo do Tempo Comum - Ano C


Neste domingo a primeira leitura conta como o povo de Israel que retornava do exílio da Babilônia e estava reconstruindo o Templo de Jerusalem também reaprendia os ensinamentos de Deus ouvindo a Palavra de Deus com explicações dos sacerdotes e escribas. E o povo estava entre exultante, bendizendo a Deus, e temeroso por achar impossível cumprir os mandamentos, ao que o Profeta responde: "Não fiqueis tristes nem choreis!" (Ne 8,9). 

O Salmo é uma resposta perfeita, pois o povo canta "Vossas Palavras, Senhor, são espírito e vida" (Sl 18). Como bem disse o Papa João Paulo II na sua Homília no Monte das Bem-Aventuranças, os mandamentos são os conselhos de Deus para nos dar uma vida mais feliz e perfeita, aqui e ns céus, não devem, portanto, ser temidos. 

Na segunda leitura São Paulo compara a Igreja, Corpo Místico de Deus, a um corpo onde cada um desempenha uma função dentro da unidade. Assim temos o Papa, Bispos, padres, diáconos e leigos, ministros diversos, funções variadas, devendo todos deixar-se conduzir por Deus Pai nas suas atividades.

O Evangelho é um anúncio da missão de Cristo: anunciar a Boa Nova, realizar milagres, trazer a salvação ao mundo e proclamar um ano de graças especiais, um ano como estamos vivendo hoje, uma ano da fé. Por especial inspiração de Deus, os evangelistas escreveram alguns dos exemplos e ensinamentos de Cristo, que transmitidos através dos séculos, são atualizados pela Igreja em nosso favor.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...