13 de jan de 2013

Festa do Batismo de Jesus


Hoje a Igreja celebra a Solenidade do Batismo do Nosso Senhor. As Igrejas Ortodoxas chamam esta festa Teofania pois no Jordão aperecem as três pessoas da Santíssima Trindade: Deus fala e o Espírito Santo descende sobre o Filho. 

O batismo de João, que Jesus recebe, baseava-se no arrependimento dos pecados cometidos  aceitação de uma vida mais correta. Por óbvio, Jesus não tinha pecados para se arrepender e não precisava deste Batismo, como deixa claro São João Batista ao dizer que ele deveria ser batizado por Cristo, não o contrário.

Em Israel, um homem atinge a maturidade plena aos 30 anos, quando pode tornar-se Mestre, depois ter crescido em idade e sabedoria, como nos falou o Evangelho da semana anterior. É neste momento que Deus, publicamente, declara Jesus ser seu Filho amado, aquele que vai cumprir as promessas do Antigo Testamento, por quem as nações distantes, não apenas Israel, esperam. A partir deste momento, Jesus abandona uma vida normal, de trabalhador, para tornar-se o Messias esperado. 

Outro sinal importante é o Espírito Santo ter descido sobre as águas do Jordão, marcando justamente o início de uma nova criação, assim como Espírito de Deus pairava sobre as águas na primeira criação (Gn 1, 2). São Máximo de Turim afirma que todas as águas foram santificadas e podem ser utilizadas o Batismo, como faz a Igreja em todo mundo. 

Esta Festa marca o final do Tempo de Natal. Neste tempo, Cristo foi anunciado à Maria, nasceu na noite de Natal, adorado pelo Reis magos, ensinou no Templo já aos 12 anos e, por fim, é batizado, iniciando sua vida pública que culminará na noite de Páscoa.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...