1 de dez de 2012

Tempo de Advento

Estamos iniciando mais um tempo de Advento, mais um ano liturgico. São Bernardo fala em três Adventos: o primeiro é a incarnação de Jesus Cristo no Natal; o segundo é a vinda de Deus em nossas vidas, momento particular de conversão; e o terceiro será  a retorno definitivo e triunfante de Jesus, como nos fala o Livro do Apocalipse.

O Advento é um tempo especial para entrarmos em oração, praticarmos a caridade através de esmolas e reconhecrmos nossas fraquezas no jejum. é um tempo para nos preparar para recebermos, em nossas vidas, a Jesus Cristo. Como disse o Papa Bento XVI:  "Atentos! Lembrem-se do Deus que está chegando! Não ontem, não amanhã, mas ainda hoje, agora! O único e verdadeiro Deus, o Deus de Abraão, Isaac e Jacó, não é um Deus no alto dos céus despreocupado de nós e nossas história, mas um Deus presente, um Deus que está por chegar!"

O Advento é uma época para estarmos em vigilante espera, como as 5 amigas da noiva que tinham óleo para manter a lâmpada acesa. é um tempo para combater nossa tendência de nos deixarmos levar por todas aquelas festas de fim de ano e as propagandas vendendo qualquer produto por um Natal melhor, tudo muito bontio, mas longe, muito longe de Deus. Como cristãos, somos chamados a fazer o contrário do mundo, somos chamados a investir um tempo a sós com Deus, mantermos a vela da nossa pouca fé acesa a espera do Senhor que está para vir, e talvez venha decisivamente nas nossas vidas ainda antes de 25 de Dezembro.

Como diz São Paulo nas Epístola aos Romanos, após pedir que a comunidade praticasse, acima de tudo, a caridade: Isso é tanto mais importante porque sabeis em que tempo vivemos. Já é hora de despertardes do sono. A salvação está mais perto do que quando abraçamos a fé. A noite vai adiantada, e o dia vem chegando. Despojemo-nos das obras das trevas e vistamo-nos das armas da luz. Comportemo-nos honestamente, como em pleno dia: nada de orgias, nada de bebedeira; nada de desonestidades nem dissoluções; nada de contendas, nada de ciúmes. Ao contrário, revesti-vos do Senhor Jesus Cristo e não façais caso da carne nem lhe satisfaçais aos apetites (Rm 13,11-14).  

Como diz o Salmo deste primeiro domingo, é tempo de elevarmos nossas almas ao Senhor, deixar-se conduzir por Ele, não pela nossa inteligência e vontade, renurciarmos um pouco a tudo aquilo que entendemos por importante no mundo, pois Ele quer se tornar íntimo amigo e salvador, como Adão e Eva eram íntimos de Deus antes de pecarem. Sim, não importa os pecados que tenhamos cometido, é tempo de buscarmos a penitência, deixar-se reconduzir ao bom caminho. E, assim, estarmos prontos para  chegada de Jesus Cristo!

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...